Loading...

A JSD 2030

A JSD 2030 2018-04-13T17:44:09+00:00

A nossa ambição é Conquistar Portugal. O nosso objetivo é colocar a JSD como a organização política de juventude de excelência do nosso país – a maior e melhor juventude partidária de Portugal. Para cumprir a nossa ambição e para alcançar este objetivo, necessitamos de defender e efetuar uma das maiores reformas no funcionamento interno da JSD.

O Portugal por Fazer no presente e o Portugal por Conquistar no futuro exigem uma Juventude Social Democrata transparente, aberta e moderna:

  • Uma JSD transparente para que qualquer militante, independentemente do cargo que desempenha na estrutura, tenha a possibilidade de conhecer o trabalho que é desenvolvido pelos núcleos, concelhias, distritais e pela Comissão Política Nacional da JSD.
  • Uma JSD aberta para todos aqueles que se identificam com os nossos ideais, com os nossos valores, com o nosso passado, mas sobretudo com as nossas bandeiras políticas para o presente e futuro se possam juntar a nós, sem burocracias, sem obstáculos, de forma rápida e célere.
  • Uma JSD moderna, digital, adaptada ao séc. XXI, que seja líder na comunicação social, nas redes sociais, para que consigamos ser a melhor estrutura política a comunicar em Portugal.

Este compromisso com os militantes, atuais e futuros, da JSD exigirá da futura Comissão Política Nacional um forte empenho na modernização da estrutura, pondo fim a um conjunto de situações que limitam o nosso potencial de ação política junto da juventude portuguesa. O debate e a reforma interna da estrutura não são um fim em si mesmo, são um meio para alcançar um fim: a defesa das novas gerações e a construção de uma sociedade mais forte, desenvolvida e coesa.

A necessidade, reconhecida pela esmagadora maioria dos militantes e dirigentes da JSD, de reformar e modernizar o modo de funcionamento interno servirá sempre, na nossa visão, para possibilitar que todo o tempo que militantes e dirigentes têm para dar à JSD seja empregue a fazer política, e não a resolver questões de foro administrativo. Neste sentido, levaremos a cabo uma grande e mobilizadora agenda para a estrutura, na sua ação e funcionamento interno: a JSD 2030.

A JSD 2030 é a nossa resposta para os desafios internos que hoje limitam todo o potencial existente no seio da Juventude Social Democrata. A JSD 2030 é a possibilidade de garantir que a estrutura está enquadrada no mundo atual da participação cívica e política, com um modus operandi moderno, digital, inovador, transparente e perceptível por militantes e dirigentes.

A JSD 2030 terá os seguintes eixos de ação:

Para colocar a JSD como melhor estrutura política nacional a comunicar com a sociedade:

  • Assegurar que a intervenção política da JSD ocorrerá numa base diária através de podcast, vídeos, infografias, live streams, imagem, opinião de militantes e convidados, comunicados, chats dinâmicos como o WhatsApp da JSD ou o Messenger da JSD, iniciativas de promoção e divulgação junto dos nossos principais públicos-alvo (instituições de ensino, meio associativo, ecossistemas de empreendedores e criativos);
  • Reforçar a comunicação, com a publicação regular da revista Quórum e com a dinamização de uma newsletter própria onde divulgará a atividade da CPN e onde as estruturas da JSD terão a possibilidade de partilhar a sua atividade e trabalho político;
  • Criar conteúdo político físico e digital para utilização por parte das Distritais, Concelhias, Núcleos Residenciais e NESD da JSD;

Para todos aqueles que se identificam com a JSD se possam a nós, ajudando a construir a maior e melhor juventude partidária de Portugal:

  • A JSD deve caminhar no sentido de atualizar o método de filiação, tornando-o moderno e transparente, com a inscrição na nossa estrutura a ser também digital, para menores e maiores de 18 anos;
  • Defendemos a transição automática dos militantes menores da JSD para o PSD, acabando com um sistema que chega a exigir, por vezes, várias tentativas de inscrição de um militante e do qual resultam também situações de perda de tempo militância e impactam a capacidade eleitoral dos militantes da JSD. Para tal e numa fase de transição, propomos o aumento para 2 anos do período de transição;
  • A filiação digital de um militante deverá gerar o envio de um link para inscrição QR Code para filiar um amigo/conhecido seu, aumentando as chances de crescimento da JSD, através da rede de contactos de cada novo militante;

A nossa alma, a nossa história e missão na qual somos imbatíveis no panorama nacional, será atualizada, fortalecida e a base para a geração de futuros quadros da JSD:

  • Através de uma nova abordagem à formação, JSD irá lançar-se à conquista da juventude portuguesa, revitalizando o programa Sub-18 através de novos conteúdos, procurando passar aos estudantes informação relativa às formas de cidadania e de participação, como se podem envolver na sociedade, como podem marcar a diferença no mundo de hoje. A formação sub-18 é um meio privilegiado de contactar com o maior número de estudantes nas escolas secundárias, sendo uma ferramenta do maior valor cívico e político para apresentação da JSD aos jovens;
  • A JSD deverá também procurar dar o seu contributo para a atualização permanente da Universidade de Verão e da Universidade Europa. Estas iniciativas representam muito para a JSD, e sendo o objetivo a formação política de jovens, caberá à nossa estrutura, ser exigente para com os modelos em vigor, de forma a que, ano após ano, possam continuar a ser o centro de excelência da formação política em Portugal;
  • A formação da JSD será igualmente uma forma de relacionar e envolver todas as estruturas entre si e aproximar a CPN dos militantes, colocar em colaboração as estruturas concelhias/distritais com a Comissão Política Nacional para o desenvolvimento de iniciativas.

A JSD 2030 é a agenda de dinamismo, modernização e ação política, com a qual queremos mobilizar todos os militantes e todas as estruturas da JSD para aumentar o capital político da nossa Juventude Social Democrata junto da juventude e da sociedade portuguesa, com uma organização interna ágil, fresca, própria do nosso tempo, em contacto permanente com a sociedade, que comunique como se comunica no mundo de hoje, que seja aberta a todos e transparente. A agenda JSD 2030 é a agenda do presente e do futuro da JSD.